Ana Hupe

Ana Hupe dedica-se a reunir uma contra-memória que conteste o arquivo colonial. Sua pesquisa localiza-se na fronteira entre a escrita e artes visuais. Seus trabalhos experimentam práticas de descolonização através de múltiplas narrativas relacionadas à identidade e à migração.

©Portas Vilaseca Galeria.